Internação

Guia da Internação

Tamanho do Texto:

O momento da internação exige alguns cuidados necessários para que tudo ocorra da maneira mais tranquila possível. Aqui você estará segura e acolhida por nossa equipe médica especializada em gestantes, mas é importante também destacar alguns pontos importantes:

1 - O parto poderá ser agendado (procedimento eletivo previamente marcado pelo médico no Hospital e Maternidade Santa Joana). Solicite esta informação no convênio, consultório médico ou no próprio Santa Joana. A autorização para internação deve ser solicitada previamente (antes do dia da internação) ou no ato da internação (chegada ao HMSJ).

2 - O parto também poderá ocorrer através de admissão via Pronto Atendimento (não agendado previamente), e nestes casos a solicitação da liberação de internação junto ao convênio é feita pelo Setor de Internação.

3 - Para realizar a internação é necessária a apresentação dos seguintes documentos:
- RG e CPF da paciente e do acompanhante ou CNH
- CTPS (para planos empresariais da Intermédica)
- Cartão do convênio
- Solicitação de internação (fornecido pelo médico)
- Autorização prévia do convênio e/ou senha (verificar com o convênio ou no próprio HMSJ)
- Se for casada e os documentos não estiverem com o nome atualizado apresentar certidão de casamento
- Relatório do médico solicitante (para agendadas)
- Autorização concedida pelo convênio ou número de protocolo de liberação (para pacientes que necessitem de autorização prévia)
- Carteira Profissional (clientes do convênio Intermédica)
- Pacientes menores de 18 anos - acompanhante deve apresentar documentos para ser o responsável pela internação.
- Certidão de casamento (quando casadas)
- Cartão pré-natal e exames de sangue realizados durante a gestação

Após a finalização do procedimento de internação a paciente será identificada com duas pulseiras no punho, contendo os seus dados pessoais.

Atenção: Para sua segurança, o seu médico deve estar previamente cadastrado no sistema do hospital para a realização do parto. Caso ele ainda não seja cadastrado, solicite que ele faça o pré-cadastro aqui

Após a internação a paciente será encaminhada para a sala de acolhimento, para avaliação e na sequência, será encaminhada para o pré parto no Centro Obstétrico.

Obs: As cores são utilizadas para pacientes que estão sendo atendidas em pronto atendimento. As pacientes que estão “passando” pelo Pronto Atendimento pós internação não possuem identificação de boletim por cores.

Guia da Internação

Recomendações importantes

Para Internações eletivas (pré-agendadas) é necessário chegar à internação com 3 horas de antecedência para a realização dos processos administrativos.
Caso desejar optar por uma acomodação superior àquela autorizada por seu plano de saúde ou para quaisquer outras dúvidas favor entrar em contato com o Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC) pelo telefone: 5080-6000 opção 2. De segunda a sexta, das 8h às 20h e aos sábados das 8h às 12h. Ou pelo e-mail relacionamento@hmsj.com.br

Alguns cuidados para a internação

Orientamos que as mães não utilizem:
- Esmaltes coloridos ou com gliter
- Maquiagem e cremes hidratantes
- Produtos químicos fixadores no cabelo
- Próteses capilares (alongamentos ou apliques)
- Jóias (incluindo aliança)
- Brincos ou piercings

Enxoval da mamãe

- Camisola / pijama
- Penhoar
- Sutiã com alças de sustentação largas
- Produtos de higiene pessoal

Enxoval do bebê

- Macacão: 6 peças
- Conjunto pagão ou body: 6 peças
- Xale: 2 peças

Observações importantes:

Não utilizamos chupetas para o recém-nascido
A roupa do bebê é trocada após o banho, quando estiver suja ou quando a família solicitar
Utilizamos fraldas descartáveis em todos os bebês.

Para o conforto e segurança de seu bebê, solicitamos que:

1. Retire alfinetes, etiquetas de papel e elásticos apertados das roupinhas
2. Lave com sabão neutro todas as peças que serão utilizadas
3. Evite o uso de amaciantes e perfumes nas roupas, pois podem desenvolver processo alérgico no bebê
4. Evite golas e babados muito grandes para não incomodar o bebê nem atrapalhar a mãe no aleitamento
5. Utilize tecidos adequados às estações do ano (linha, lã, moletom, algodão, cambraia e outros)
6. Evite o uso de peças pequenas, como meias, sapatinhos, laços e fitas, para que não se percam
7. Evite tiaras com elásticos para as meninas e broches presos às roupas do bebê

Direitos e Deveres do Paciente

- Acesse e confira o termo de Direitos e Deveres do Paciente do Santa Joana

Critérios de credenciamento de profissionais para atuarem como doula no hospital Santa Joana:

• Ser profissional da saúde: Enfermeira, Psicóloga, Terapeuta ou fisioterapeuta.

• Imprescindível a apresentação dos documentos abaixo:

- 01 Foto 3x4,

- 01 Cópia do RG,

- Xerox da carteira da sua entidade profissional autenticada.

As doulas credenciadas no Santa Joana poderão participar dos partos normais realizados na Unidade para Parto Normal. As doulas que não tiverem realizado o cadastro poderão ter acesso ao local como acompanhante, conforme opção da paciente. Reforçamos, no entanto, que neste caso será permitido apenas 1 (um) acompanhante por gestante na Unidade para Parto Normal e Centro Obstétrico. O credenciamento deve ser agendado previamente pelo telefone (11) 5080-6080 e realizado pessoalmente na maternidade.

• Imprima aqui os termos de consentimento necessários para o cadastro:

- Termo de consentimento

- Consentimento Médico

Registro do Bebê- Documentos necessários para obter a Certidão de Nascimento:

- Via amarela da Declaração de nascido vivo;
- Célula de Identidade (RG) ou, em caso de pacientes estrangeiros, Célula de identificação expedida pela polícia federal (RNE) ou Passaporte válido, expedido pela autoridade competente.

Procedimento para obter a Certidão de Nascimento:

Pais casados:

Ou pai ou da mãe, apresenta os documentos acima e certidão de casamento.

Pais não casados:

O pai apresenta os documentos dele e da mãe. Caso de o pai estar ausente, a mãe pode apresentar uma declaração com firma reconhecida, ou uma procuração específica e registrada em cartório.

Mãe solteira:

A mãe deve comparecer ao cartório e apresentar os documentos. Se a paternidade for em branco (sem expressões como "pai ignorado"), a qualquer momento, a mãe pode decidir indicar o pai da criança, e após investigação de paternidade e comprovação judicial o registro será refeito constando o nome dele.

Mãe menor de 16 anos:

A mãe precisa comparecer ao cartório acompanhada de um responsável (o avô da criança, por exemplo). Ainda assim, a jovem pode ser orientada a assinar um termo de ciência do registro, para evitar uma contestação depois que ela atingir a maioridade.

Impossibilidade de os pais comparecerem ao cartório:

Em casos excepcionais, o registro pode ser feito por uma procuração específica, na qual conste os nomes dos pais e do recém-nascido. O impedimento do pai e da mãe precisa ser comprovado.
A lei estabelece um prazo de 15 dias para o registro ou no caso de a mãe ser a responsável única pelo registro, o prazo é de 45 dias, para contar o repouso após o parto.

Não existe multa para quem descumprir o prazo, porém, depois do tempo previsto na lei, só é possível realizá-lo no cartório próximo à residência dos pais.

O 9º Cartório de Registro Civil, aberto de segunda a sexta-feira das 9h às 17h e aos sábados das 9h às 11h30, estará recolhendo os documentos necessários para o registro na própria Maternidade Santa Joana:

Rua Dr. Eduardo Amaro, nº 152 – 12º andar – Conj. 121

No dia seguinte ao recolhimento da documentação, a certidão será entregue no mesmo local e horário. O registro também poderá ser solicitado diretamente Cartório, na Praça Oswaldo Cruz, nº39.(ao lado do Correio, próximo ao Hospital do Coração, início da Avenida Paulista), sendo, nesse caso, a certidão entregue no ato.